Ensino Superior

Como selecionar as produções no módulo de destaques na Plataforma Sucupira?

0

O prazo para o Coleta Capes referente às informações de 2020 já terminou, mas ainda restam algumas fases antes do fechamento da avaliação quadrienal referente aos anos de 2017 a 2020. Entre eles está o novo módulo de destaques na Plataforma Sucupira, cuja submissão vai até 22 de julho de 2021.

A consolidação de informações sobre as pós-graduações stricto sensu no Brasil, realizada na Plataforma Sucupira, contribui para a análise da produção acadêmica em território nacional.

Em resumo, anualmente os programas de pós-graduação enviam suas informações acadêmicas para a Capes. A cada quatro anos passam por um processo robusto de avaliação sobre a evolução dos seus indicadores em relação a períodos anteriores, o que possibilita a sua mudança de conceito.  O resultado também serve de base para definir o destino de financiamentos e bolsas de estudo, por exemplo.

Entendendo o módulo destaques

Até início de 2021, cada PPG (Programa de Pós-Graduação) podia selecionar anualmente até dez produções mais relevantes. Essa função, porém, foi desabilitada em abril. Ela deu lugar ao módulo de destaques na Plataforma Sucupira. Ele permite comprovar o impacto de um programa e sua trajetória através dos destaques dos seus produtos mais significativos do quadriênio – não mais do ano – dentre as submissões realizadas no Coleta Capes.

“Os programas de pós-graduação têm a oportunidade de destacar muito mais produtos e com um leque mais diverso, englobando além das produções bibliográficas e técnicas, a indicação dos egressos e das teses e dissertações mais relevantes”, explica Daiane Folle, consultora da +A Educação.

No Coleta Capes, o módulo de destaques está estruturado em 5 eixos:

Produções para classificação: Trata das produções bibliográficas, técnicas, artísticas e eventos do quadriênio.

Egressos: São indicados alunos com trajetórias que merecem destaque devido às suas histórias de formação. Se o PPG é novo e não excede o máximo de egressos pedidos, o coordenador deve destacar todos os egressos.

Trabalhos de Conclusão: São selecionados trabalhos de conclusão, como teses, dissertações ou equivalentes, no caso da modalidade profissional.

Produções do ciclo avaliativo: Os programas podem escolher de cinco a dez produções de qualquer tipo e ano do quadriênio em avaliação que representam o programa de pós-graduação.

Produções dos docentes: É nesta categoria que podem ser destacadas até quatro produções mais relevantes de cada professor permanente que atuou no PPG no quadriênio. A quantidade deve ser proporcional ao tempo que ele esteve no programa como docente permanente durante o período avaliado.

Leia mais: Avaliação quadrienal: Capes lança módulo de destaques

Seleção dos destaques

Cada área possui orientações e critérios específicos para a seleção dos destaques – disponíveis no portal da Capes. “Tem áreas que solicitam a indicação de apenas três teses ou dissertações. Outras deixam o programa escolher cinco e outras áreas farão a escolha de forma aleatória dentre todas inseridas na Sucupira ao longo do quadriênio”, explica Folle.

A escolha dos destaques não pode ser aleatória. Os PPGs devem apresentar justificativas para a seleção de cada produção num campo de até 4 mil caracteres com espaços, podendo, ainda, incluir um arquivo anexo. Antes da criação do módulo de destaque na Plataforma Sucupira não existia essa possibilidade de justificativa das escolhas.

Folle aponta: “A escolha desses dados é estratégica porque esse é o momento em que precisamos justificar quais são as nossas produções relevantes, aquilo que cada programa fez de melhor. E quanto mais evidências a gente tiver, melhor.”

Por fim, as instituições devem destacar as produções com mais pontos a favor, como recebimento de financiamento externo e premiações, exposição na mídia, trabalho em conjunto com outros grupos de pesquisa nacionais ou internacionais, registro de patente e capacidade de replicação em grande escala. Ainda devem ser considerados os produtos com maior grau de inovação ou impacto na sociedade.

Leia mais: Credenciamento para Pós-graduação, mestrado e doutorado: como funciona?

ebook stricto sensu

Redação
A redação do portal Desafios da Educação é formada por jornalistas, educadores e especialistas em ensino básico e superior.

    VOCÊ PODE GOSTAR

    Comentários

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.