Ensino Básico

Como ajudar os alunos na reta final de preparação para o Enem

0

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) começa no domingo, dia 21 de novembro. A segunda etapa acontece no fim de semana seguinte, no dia 28. Na reta final para a prova, é impossível revisar todo o conteúdo das disciplinas, mas ainda há tempo para preparar melhor os alunos.

Em 2021, quase 3,4 milhões de estudantes estão inscritos – o menor número desde 2005. Na comparação com 2009, quando houve um recorde de 9 milhões de inscrições, a redução é de 64,35%. Entre os motivos para a queda acentuada, estão os efeitos da pandemia de Covid-19.

Entretanto, o Enem é a principal forma de ingresso no ensino superior brasileiro. A última edição do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que dá acesso às instituições públicas, ofereceu 62.325 vagas, em 70 instituições e 1.932 cursos de graduação. No ensino privado, a nota garante bolsas, descontos e financiamentos.

Recentemente, o Desafios da Educação mostrou como até as redes sociais ajudam a fixar o conteúdo durante a preparação para o Enem. Na sequência, confira mais dicas para escolas, professores e familiares orientarem os alunos nos dias que antecedem o Enem.

Preparação do Enem envolve cuidados com o bem-estar físico e emocional. Crédito: Divulgação.

Preparação do Enem envolve cuidados com o bem-estar físico e emocional. Crédito: Divulgação.

1) Orientar os estudos

Faltando poucos dias para o Enem, aulas expositivas voltadas ao conteúdo podem se tornar maçantes e pouco produtivas. Se for o caso, o professor deve realizar uma síntese dos pontos mais relevantes com apoio de exercícios representativos.

Vale mais a pena apostar na realização de simulados, incluindo questões similares ou retiradas de edições passadas. Eles ajudam o aluno a identificar as temáticas recorrentes e a fixar o que foi estudado ao longo do ano.

Além disso, os simulados preparam para a dinâmica da prova. Isso envolve, por exemplo, mecanismos de controle do tempo e preenchimento do gabarito – dois fatores em que muitos acabam se atrapalhando no Enem.

Leia mais: Conheça o sistema de correção do Enem. E saiba como se sair bem na prova

2) Passar informações gerais sobre a prova

As cenas dos portões fechando enquanto os últimos alunos chegam em cima da hora são corriqueiras no Enem. Evitar contratempos passa por compreender o funcionamento do exame, o que pode ser reforçado pelas escolas

As orientações começam pelo horário. É importante chegar com antecedência de cerca de uma hora. Nessa edição, os portões abrem às 12h e fecham às 13h. Conhecer o local da prova previamente é outra dica para evitar atrasos.

É papel dos alunos ler o edital. Cabe aos professores, por sua vez, lembrá-los do formato e características da prova. Ela é dividida em quatro campos do conhecimento e uma redação. Em 2021, o Enem acontece da seguinte maneira:

  • Dia 21, com 5h30min de duração: Redação + 45 questões de Ciências Humanas + 45 questões de Linguagens, códigos e suas tecnologias;
  • Dia 28, com 5h de duração: 45 questões de Matemática + 45 questões de Ciências da Natureza.

É obrigatório levar uma caneta esferográfica preta de material transparente, documento oficial com foto e usar máscara.

Leia mais: As mudanças do SAT, o “Enem Americano”. E o futuro do vestibular digital

3) Dar apoio psicológico

Decisivo para o futuro dos alunos do ensino básico, o Enem mexe com os ânimos dos participantes. Por isso, na reta final dos estudos, as escolas e os familiares devem dar atenção especial ao aspecto psicológico.

Em entrevista ao portal G1, a coordenadora pedagógica e psicóloga Rita Cardoso explica que parte da preparação para o Enem envolve cuidados com o bem-estar físico e emocional. Nesse sentido, equilíbrio é a palavra-chave.

Uma sugestão é mesclar as últimas revisões com momentos de lazer, como passeios e atividades físicas leves. Uma alimentação balanceada e boas horas de sono também fazem a diferença na hora da prova.

A ansiedade é natural nesses momentos. É papel dos professores e familiares tranquilizar os estudantes, passando confiança principalmente aos mais inseguros e evitando cobranças exageradas dias antes do Enem.

Leia mais: Infográfico: o cronograma de implementação do Novo Ensino Médio

Redação Pátio
A redação da Pátio – Revista Pedagógica é formada por jornalistas do portal Desafios da Educação e educadores das áreas de ensino infantil, fundamental e médio.

VOCÊ PODE GOSTAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.